> #NaPrática > Atrair, cativar e reter clientes.

Atrair, cativar e reter clientes.

Estratégia para atrair, cativar e reter clientes é algo que todo mundo quer descobrir. E nada mais assertivo que fazer uso do marketing de conteúdo para isso.

Marketing de Conteúdo: nada mais é que uma estratégia estruturada para elaborar e disseminar conteúdo relevante com o objetivo de atrair, cativar e reter clientes. Esse processo gera uma relação de confiança que aumentará as oportunidades de vendas que o seu time de marketing gera mês após mês. Além disso, garante também a amplificação da presença da sua marca.

Através do conteúdo, qualquer empresa pode se tornar uma autoridade na sua área de atuação. Basta uma estratégia, planejamento e execução que estejam alinhados aos seus objetivos. Grandes marcas, e bastante distintas, como Lego, Tecnisa, Coca-Cola e Red Bull, confiam em conteúdo para aumentar a afinidade dos usuários com a marca, criar admiradores e influenciadores e, é claro, vender produtos.

Seja no longínquo ano de 1900, no já conhecido caso do Guia Michelin, seja com o livro de receitas da gelatina Jell-O, em 1904, a estratégia de educar os leitores até que eles estejam maduros suficientes para serem apresentados a sua empresa traz resultados.

Por que usar Marketing de Conteúdo?

Por que as empresas estão apostando nisso?

Para você ter uma ideia da importância do Marketing de Conteúdo  67,3% das empresas brasileiras já adotam essa metodologia na sua estratégia de aquisição de clientes e 56,9% das que ainda não utilizam pretendem adotá-la em breve. Esses são dados da edição 2019 da Content Trends, a maior pesquisa sobre Marketing de Conteúdo do país. Você pode baixar o relatório completo da pesquisa aqui.

Além de gerar valor para sua empresa ou marca, o Marketing de Conteúdo:

– Aumenta o tráfego do seu site: De acordo com a Content Trends 86,7% das pessoas utiliza o Google para se informar. Ou seja, o seu site é a porta de entrada principal para novos clientes e o Google é o caminho até ele. Produzir conteúdo relevante é a melhor forma de colocar seu site na primeira página do Google, onde ele sempre será encontrado pelo seu público, e deixar essa porta convidativa para que ele entre. Prova disso é que as empresas que utilizam Marketing de Conteúdo tem, em média, 2,2 vezes mais visitas em seus sites. E, se você produz mais de 13 conteúdos por mês, esse número sobe para 4,2 vezes!

– Gera notoriedade (brand awareness): A produção de conteúdo contribui para que mais pessoas reconheçam sua marca e conheçam os produtos e/ou serviços que sua empresa oferece. As pessoas possuem maior propensão a comprar marcas que lhes são familiares e que lhes agradam. Um leitor assíduo de seu blog, por exemplo, vai preferir a sua marca quando precisar comprar um produto ou serviço. Afinal de contas, ele já te conhece e você o ajudou diversas vezes com seu conteúdo.

–  Aumenta o engajamento com a marca: Enquanto o brand awareness aumenta a quantidade de pessoas que conhecem e possuem uma percepção positiva de sua marca, o engajamento busca construir um relacionamento próximo e constante com uma audiência mais seletiva. Produzindo conteúdo de qualidade, você aumenta as interações das pessoas com sua marca, criando esse engajamento. O resultado disso são evangelizadores que a recomendam e até a defendem.

Educa o mercado: Muitas vezes, seu público-alvo não entende bem o mercado em que você está inserido, para que servem os produtos oferecidos pela sua empresa etc. Nesse caso, não desista! Produza conteúdo que responde às dúvidas dos clientes e os ensina tudo que precisam saber para tomar a decisão de compra por si mesmos. Se o seu conteúdo for realmente de qualidade, você vai quebrar objeções e aumentar a satisfação dos clientes, pois eles chegarão à compra com consciência total do seu produto e como utilizá-lo.

– Gera vendas: Aposto que você está pensando: “Mas, toda empresa não quer gerar vendas?” Claro que sim! No entanto, nem sempre esse é o objetivo final do processo de Marketing de Conteúdo. Aumentar o número de vendas, nesse caso, significa focar sua produção de conteúdo para guiar os leads por todo o processo de compra e prepará-los para a tomada de decisão. Mas esses são apenas alguns exemplos de objetivos. O importante é que você identifique o seu para direcionar seu planejamento de forma correta.

– Impulsiona a geração de leads: Leads são pessoas que demonstraram interesse em adquirir o produto ou serviço da sua empresa, por meio do preenchimento de formulários online com seus dados de contato. O lead, portanto, é um potencial cliente. É por isso que gerar leads é o objetivo principal de 83,4% das empresas brasileiras! E algumas delas já estão conseguindo 3,2 vezes mais leads fazendo Marketing de Conteúdo.

– Aumenta o lifetime-value: Lifetime-value (LTV) é o valor total que um cliente gasta em sua empresa como um todo. Por exemplo: se seus clientes compram em média duas vezes um produto de R$50,00, o seu LTV é de R$100,00. Todo dono de empresa sabe que é mais barato vender de novo para um cliente atual do que trazer um novo cliente. Então, usar uma estratégia de conteúdo com esse objetivo é uma boa jogada porque mantém o cliente engajado com a sua empresa. Você pode usar vários tipos de conteúdos no pós-venda, como newsletters exclusivas para clientes, para oferecer novos produtos ou descontos em sua loja.

– Reduz o custo de aquisição de clientes: O CAC, Custo de Aquisição de Clientes, é uma métrica que aponta o valor que você investe nas áreas de Marketing e Vendas para conseguir um novo cliente. Se conquistar um novo cliente é barato, a receita gerada por ele cobre as despesas criadas até ali e ainda dá lucro. Por isso, o objetivo de qualquer empresa é que seu CAC seja o mais baixo possível. Mas por que eu estou explicando isso? Porque a maioria das empresas ainda mantém um grande time comercial focado em prospecção e injeta dinheiro em mídias pagas para conseguir novos clientes. Essas ações dão resultado sim, mas também resultam em um CAC alto. Até porque pessoal e propaganda não são baratos, concorda? Com uma estratégia de Marketing de Conteúdo você reduz o CAC fornecendo materiais que acabam com as dúvidas dos clientes na hora da compra e munindo seu time de vendas com ebooks, webinars e outros conteúdos que pode facilitar o processo de vendas.

Você ainda pode utilizar o Marketing de Conteúdo para treinar sua equipe de Vendas.

Um dica:

“… um dos meus mais importantes aprendizados desde que resolvi abrir a Rock Content: não se prenda muito a detalhes. A primeira versão de nenhum tipo de conteúdo é a melhor do mundo. Foque em passar conhecimento valioso no melhor formato possível e vá polindo os detalhes depois. E, acima de tudo, sempre tenha uma estratégia documentada para que seu ótimo conteúdo não seja desperdiçado. Agora, é hora de pôr a mão na massa!” – VITOR PEÇANHA Co-fundador [email protected] Rock Content

Fonte: Recortes de conteúdo gerado por Rock Content.

Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *